maxresdefault

A Vara do Tribunal do Júri da comarca de Joinville recebeu denúncia do Ministério Público contra uma advogada da cidade por fraude processual conexa com crime de homicídio.

Nesta ação, outros dois homens também foram denunciados. Ambos respondem pela prática do crime de homicídio qualificado. Um deles seria, também, autor da fraude processual.

A advogada foi presa no ano passado junto com outros seis defensores e um agente prisional, suspeitos de facilitar a entrada no sistema carcerário de aparelhos eletrônicos e drogas e de intermediar conversas entre presidiários e membros de organizações criminosas.

A partir de agora, já na condição de réus, os denunciados têm o prazo de 10 dias para apresentar a defesa (Autos n. 5016902-14.2022.8.24.0038).

Fonte: Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC) – leia aqui.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whatsapp